Quando trocar os pneus do carro?

Quando trocar os pneus do carro?

Sabemos que os pneus são responsáveis por grande parte da segurança e dirigibilidade de um carro, portanto é importante que fiquemos de olho no estado deles para que diminua os riscos ao dirigir, sabendo a melhor hora para trocar dos pneus do carro.

Quando trocar os pneus do carro?

O pneu é parte fundamental na estabilidade do carro, os sulcos ajudam o motorista a ter controle do veículo. O perigo, então, se encontra quando os pneus estão carecas, pois ficam sem sulcos, logo afeta na estabilidade do carro.

Apesar, claro, da estabilidade não ser afetada apenas pela falta de sulcos, deve-se verificar a presença de bolhas, deformações e/ou calombos nos pneus.

E você sabe verificar o estado dos pneus afim de realizar a troca quando necessária? Hoje vamos te mostrar qual é o melhor (e mais seguro) momento para trocar os pneus do seu possante. Então confira já!

Quilometragem x Validade

O primeiro passo (e mais básico) é checar a quilometragem e a validade de seus pneus. O primeiro dado você confere com o fabricante quanto o pneu consegue rodar mantendo seu grau de segurança. Já o segundo você pode verificar na nota de compra dos pneus, geralmente tem prazo de 5 anos.

Banda de Rodagem

Esta é a parte que toca diretamente no chão e é composta pelos sulcos do pneu, o que, neles, há os TWI, um indicador que fica localizado dentro de cada sulco que, quando os pneus estiverem novos, é completamente visíveis. Desta forma, quando os sulcos dos pneus estiverem desgastados até este indicador é hora de trocá-los.

Teste da Moeda

No trânsito, pneus que tenham sulcos com menos de 1,6mm já são considerados carecas, e como nem sempre é possível enxergar o TWI nos pneus, você pode pegar uma moeda de R$1,00 e colocar no sulcos para medir seu desgaste. Isto é útil pois a borda amarela da moeda tem aproximadamente 1,6mm

E as laterais?

Não apenas a banda de rodagem do pneu deve ser analisada, caso as laterais tenham ressecamento, ranhuras ou rasgos isto oferece perigo, podendo acarretar em estouro do pneu.

Além disso tudo, vale lembrar que a lei pune quem não cuida dos pneus. Embora a legislação de trânsito não trate de forma específica sobre esse tema, ela define, no artigo 230 que conduzir veículos “em mau estado de conservação” gera multa e penalidades. Portanto, o pneu avariado é enquadrado como ocorrência grave, com uma punição de R$ 127,68 e perda de 5 pontos na carteira.

Para ficar por dentro de nossos trabalhos e dicas, acesse nosso Facebook e Instagram.

 

(41) 4063-8879
Quero vender
Fale Conosco
Whatsapp